domingo, 8 de janeiro de 2012

Como mudar o tom de uma música


Sabe aquela canção que você nunca canta porque é muito aguda ou muito grave pra sua voz?
Relaxa......... pra quase tudo tem um jeito. Vamos mudar o tom dessa canção!

Algumas regrinhas:

·         Todo acorde maior permanecerá maior;
·         Todo acorde menor permanecerá menor;
·         Conserve as dissonâncias ( o que tem 7ª, 5ª+, 4ª etc. permanecerá assim).

Vamos para a prática. Para isso, tenha à mãos a escala cromática:

C  -   C#  -  D  -  D#  - E  - F  - F#  -  G  -   G# -   A -  A#  - B  -  C

Ou 

C   - Db  -  D  - E  -  E  - F   - G G   - Ab  -  A -  Bb -  B - C

 Obs: A escala cromática é organizada em semitons (1/2 tom).
         O agudo fica para a direita, o grave, para a esquerda.

Observe o seguinte trecho, vamos reescrevê-lo 1 tom acima, ou seja,  mais agudo.


Por onde andei    ( Nando Reis)

Tom:  C 
            C  
Desculpe estou um pouco atrasado   
       G  
Mas espero que ainda de tempo  
      Dm                          F  
De dizer que andei errado e eu entendo    
 
               A sequência dos acordes é C, G, Dm , F. 
 
               Vamos à escala e somaremos 1tom à cada nota(acorde): 
 
C  -   C#  -  D  -  D#  - E  - F  - F#  -  G  -   G# -   A -  A#  - B  -  C
 
C + 1tom = D
G + 1tom = A
Dm + 1tom = Em
F + 1tom = G

Feito isso, temos o trecho harmonizado 1tom acima. Observe.

Por onde andei

    
Tom:  D
            D  
Desculpe estou um pouco atrasado   
       A  
Mas espero que ainda de tempo  
      Em                          G  
De dizer que andei errado e eu entendo   
 
E se quisermos a canção 2 tons abaixo? O processo é o mesmo, porém contaremos os tons  na direção contrária.

C  -   C#  -  D  -  D#  - E  - F  - F#  -  G  -   G# -   A -  A#  - B  -  C

C  – 2tons  = G#
G  – 2tons  = D#
Dm  – 2tons  =A#m
F – 2tons  = C#

Observe:

Por onde andei
    
Tom:  G#
            G#  
Desculpe estou um pouco atrasado   
       D#  
Mas espero que ainda de tempo  
      A#m                          C#  
De dizer que andei errado e eu entendo   


5 comentários:

  1. Olá, pra legal o seu método de o tom das músicas, mas acho que "faltou" um jeito aí, considerando que devo mudar uma música de G para C, pra não fazer uma conta "grande" de descer tom por tom, podemos pegar a cadência, ou estrutura dos graus do tom por exemplo: a música é C - D - G, em graus pode ficar em IV - V - I, com isso posso colocar o tom que eu quiser sabendo seu respectivos graus!
    Parabéns pelo blog, e se eu estiver errado por favor me corriga.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você está certo sim. Nesta postagem eu preferi não fazer a abordagem por grau. Fica pra uma próxima. Muito obrigado pela sugestão e por visitar o blog!

      Excluir
  2. Obrigada pela explicação. Você colocou de uma maneira mais clara. Obrigada

    ResponderExcluir
  3. Man se eu aumentar semiton de uma música que tá ta em si ela não ficaria mais baixa pelo fato de ela estar em dó

    ResponderExcluir
  4. Cara, ao aumentar um semitom a ideia é que a melodia fique mais aguda. Agora, caso você esteja tentando cantar e a música fica fora da tua extensão vocal, você poderia tentar cantar uma oitava abaixo, nesse caso a melodia ficaria mais grave mesmo. Imagine um piano, existem várias repetições de notas, em diferentes oitavas.

    ResponderExcluir